03 - Dia do capoeirista

Compartilhe

Elevada a patrimônio cultural brasileiro, em 2008, a capoeira faz parte da herança cultural dos negros que vieram para Brasil enquanto força de trabalho escravo. Seu significado se associa à manutenção da memória de um povo que tem como fundamento a oralidade e a expressão por meio do corpo. Para uns, nascida na senzala das plantações de cana de açúcar e café, para outros, símbolo de resistência e liberdade dos quilombos, e tem aqueles que defendem sua gênese como um fenômeno urbano. Etimologicamente, vem do tupi e designa vegetação rasteira ou um tipo de cesto usado para carregar gêneros alimentícios e animais. Capoeira também é esporte, forma de expressão, ensinamento, memória, experiência. No século XIX era crime. Nas palavras de Dias Gomes “com ela nós mandamos ao mundo uma mensagem: que bom se todo conflito, todo litígio, por mais violento, pudesse ser resolvido com música e poesia”. Converse com seus alunos. Sugestão de salas: O Povo Mineiro, Celebrações, História de Belo Horizonte e Vilas Mineiras.

VOLTAR